Exame de Bioimpedância

A bioimpedância é um tipo de exame muito simples, indolor e não invasivo, mas bastante útil nas avaliações esportivas ou condicionamentos físicos, por exemplo. Por meio dele é possível medir e avaliar toda a composição corporal.

O que é?

A bioimpedância é um exame bastante rápido, indolor e nada invasivo que analisa detalhadamente toda a composição corporal do paciente, por meio de um sinal de corrente elétrica – livre de radiação e totalmente seguro, que passa pelo corpo. Essa corrente elétrica é o que permite quantificar detalhes que vão além do peso corpóreo: como o tecido muscular, quantidade de água corporal, quantidade de gordura corporal, percentual de gordura corpórea, taxa de metabolismo basal, relação cintura-quadril, índice de massa corpórea (IMC) e impedância de cada membro do corpo.

O exame de bioimpedância costuma ser bastante utilizado por atletas e esportistas, principalmente que fazem uso da medicina esportiva, mas também por outras pessoas que querem iniciar ou seguir uma dieta a fim de manter o corpo saudável.

Geralmente, é solicitado pelo médico especialista ou pelo nutricionista ao longo do tratamento, dieta, ou condicionamento físico, já que permite acompanhar a evolução do paciente com mais precisão e adaptar melhor os objetivos de acordo com o desempenho e as necessidades.

Existem ainda três tipos de exame de bioimpedância: a bioimpedância regional, realizada apenas em um membro específico do corpo ou região; a bioimpedância segmentar, em que cada membro é avaliado separadamente, o que decorre em um resultado mais detalhado; e a bioimpedância total, a mais comum e que avalia o corpo inteiro de uma vez.

Quem deve fazer?

O exame de bioimpedância pode ser realizado por e para:

– Atletas;

– Pessoas que praticam atividades esportivas;

– Pessoas em programas de emagrecimento ou de ganho de peso;

– Avaliações nutricionais;

– Avaliação de retenção da água;

Além disso, ele pode ser útil para uma série de doenças que envolvem a mudança da composição corporal.

Na medicina esportiva, a bioimpedância é uma grande aliada para conseguir adaptar o treino de acordo com os objetivos, desempenho do atleta ou esportista e com suas necessidades. Além disso, também pode ser utilizado no preparo de um treino mais intenso ou de uma dieta diária.

Por quê?

Geralmente, o exame está aliado a um bom plano de condicionamento físico, prevenção e tratamento de doenças, programa de emagrecimento, ou de ganho de peso. Ele ajuda a trazer resultados melhores e de maneira mais rápida, além de poder antecipar uma série de problemas e ajudar a minimizar riscos.

Outro uso importante da bioimpedância é como complementação do exame de calorimetria indireta, que avalia o metabolismo do paciente.

Como o exame é realizado?

Bem diferente do que pode parecer, o exame de bioimpedância é bastante rápido. Tudo que a pessoa precisa fazer é subir em uma balança digital de chão, posicionando os pés e as mãos nos devidos lugares. Ao final, a própria balança imprimirá o resultado com os valores emitidos.

Recomendações pré-exame

Recomenda-se jejum de pelo menos duas horas. Além disso, é necessário que não haja o consumo de bebidas alcoólicas 48 horas antes do exame, e o de bebidas com cafeína 24 horas antes. É interessante também, no caso das mulheres, evitar o período menstrual, que pode afetar os resultados reais do exame.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no print

Deixe um comentário

Categorias