A história da Psicologia

A psicologia clínica surge ao final do século XIX, tendo este termo sido usado pela primeira vez pelo norte-americano Lightner Witmer (1867-1956), aluno do conceituado psicólogo, médico e filósofo alemão Wilhelm Wundt. O jovem psicólogo fundou a primeira clínica psicológica na Universidade da Pensilvânia, nos Estados Unidos, além de lançar o primeiro jornal especializado no assunto na mesma época, chamado como “The Psychological Clinic”, ambos os lançamentos em 1907.

O trabalho feito por Witmer era especifico em casos individuais, tratando desde crianças com problemas escolares até sujeitos que se enquadravam entre os princípios depois entendidos como problemas psicoterapêuticos ou psicopatológicos. Vários psicólogos clínicos fundaram em 1917 a Associação Americana de Psicologia Clínica, que em 1919 fundiu-se com a Associação Psicológica Americana, tornando toda a seção em um setor clínico.

Com métodos científicos experimentais aplicados no estudo, a base da psicologia clínica se tornou tanto empírica quanto hermenêutica, desenvolvendo-se uma disciplina própria na medicina para analisar as particularidades da ciência.

Importância da psicologia clínica na medicina

A psicologia clínica, assim como a psicoterapia, é essencial para o tratamento de artigos específicos da saúde mental do individuo, considerando desde transtornos mentais e psicodiagnósticos simples até a intervenção psicológica (com papel importante da psicoterapia), psicologia da reabilitação, entre outros.

Sua importância e seu papel na medicina vem da análise de etiologia, classificação, diagnóstico, epidemiologia, prevenção, reabilitação e avaliação mental, que pôde promover maior acesso à saúde da mente e a garantia de tratamento para diversos transtornos mentais que não recebiam qualquer atenção ou cuidado posteriormente à análise aprofundada do conceito de psicologia clínica.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no print

Deixe um comentário

Categorias